poesia

Menina tão doce e singela
Jogas ao volante de saia amarela
Teu lenço florido
Cobre cabelos doirados

De olhar curioso
Vestes laços e folhos
Num vestido decotado
E peito branco para mostrar

Seguras nas tuas mãos
A pena e a raquete
Para jogares a seguir
Numa tarde coquete

Todos olham para ti
Para a tua graciosidade
Divertes-te no jogo
Enquanto a sedução acontece

Menina doce e singela
Numa tarde
Que o segredo revela

10-jan-2023

João Pires autor

Menina com Raquete

Nota

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s